sábado, 3 de julho de 2010

Oração

Breve arrazoamento

A oração nunca, repito, nunca deveria ser para demonstrar poder espiritual, mas sim, fraqueza, em outras palavras - dependência de Deus (só depende do outro quem é fraco). Penso que a prática de orar deve ser para estar perto Deus, e, ou, para colocar alguém perto de Deus, jamais deve ser usada como uma técnica para se conseguir bênção, ou nas palavras do chamado príncipe dos pregadores C.Spurgeon: “independente da resposta, a oração em si mesma é uma bênção”.
A oração não deve ser um meio para tornar nossos discursos mais eficazes, e sim, tornarmos mais íntimos do Pai.

Que Deus nos ajude!
João Ferreira Leite Luz

Nenhum comentário: