domingo, 22 de fevereiro de 2009

Dona Tristeza

(Categoria – Reflexões)

Dona tristeza é uma jovem senhora com aparência envelhecida. Testa franzida, boca murcha, olheiras, e, um olhar vazio de quem mira o horizonte sem ver nada. Essa aparência exterior indica uma tristeza interior não resolvida.
Dona tristeza não é uma pessoa feminina ou masculina, é algo dentro de nós que nos incomoda e reflete por fora.
Será que dentro de cada um de nós não existe uma “dona tristeza” mal resolvida. Se a resposta for positiva, o que fazer então com essa tristeza que nos consome e nos rouba o sentido da vida? Em minha opinião devemos trocar a “dona tristeza” pelo Espírito Santo, pois ele é o único que pode nos ensinar caminhos que nos levem a felicidade.
Pois, felicidade é uma trilha, uma caminhada que só faz sentido quando o próprio Deus nos ensina valores, que uma vez incorporado no nosso estilo de vida nos proporciona uma vida menos triste.

Que Deus nos ajude
Abyssus abyssum invocat – o abismo chama outro abismo
João Ferreira Leite Luz

Nenhum comentário: